Desinventar objetos

 

"[É preciso] desinventar os objetos. O pente, por exemplo. É preciso dar ao pente funções de não pentear. Até que ele fique à disposição de ser uma begônia. Ou uma gravanha. Usar algumas palavras que ainda não tenham idioma." (Manoel de Barros BARROS, M. O livro das ignorãças. Rio de Janeiro: Editora Record, 2000).

No Criando desinventamos objetos para dar vida a lindas produções artísticas, e ao mesmo tempo em que desenhamos, cantamos, dançamos, contamos histórias, imaginamos ou até silenciamos... O que vale é que vivemos a infância saboreando sempre a imaginação...

0
0
0
s2sdefault

Mais artigos

© Copyright 2017-2021 Criando | Edição e Revisão: Prof. Sérgio Ribeiro  sergioribeiro@gmail.com

Avenida João Bernardo Medeiros, 455 - Jardim Bom Clima, Guarulhos - SP | 011 2468 1169 logoleandropdesign

ua-7964181-31